sexta-feira, 16 de março de 2018

#5 Programa Boredomcity radio : Urbanofonias


Quinto programa Boredom City Podcast. Punk - New Wave - Pub Rock - Powerpop

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Boredom City radio - 4º episodio "Regresso a um Passado bem Presente"

Já se encontra no éter cibernético o quarto episodio do Boredom City radio. 100% vinil, punk/new wave e no final a cereja no topo do programa com o tema punk dos Trabalhadores do Comércio (what???), sim o lado B do segundo single de 1980. Quem quiser ouvir é só seguir o rasto do link.






https://www.mixcloud.com/BoredomCity/regresso-a-um-passado-bem-presente-boredom-city-lx-1979-1980/






sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Boredom City Radio - 3º Round - Duelo de Titãs

Já disponível o novo programa Boredom City Radio, 42 minutos de raridades do universo New Wave/Rock Tuga/Powerpop/Punk/NWOBHM ,














https://www.mixcloud.com/BoredomCity/duelo-de-titãs-3o-round-boredom-city/





segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Balanços e Balancetes, Protex, o concerto de 2017.

Chegado o fim do ano é altura para os malogrados balanços dos melhores, dos mais ou menos, e dos piores. Se a nível de discos a coisa segue um caminho sem retorno para uma miséria confrangedora, no domínio dos concertos, ainda vamos tendo o ar de sua graça. No que toca a este último tópico, concertos, tenho de reconhecer que não fui a muitos, ora por falta de tempo, ora porque a maioria não me chamou à atenção. Pondo num canto esta lenga-lenga de enchimento de chouriços, é altura de falar daquele que foi na minha opinião o melhor concerto de 2017 em Lisboa. Refiro-me concretamente ao concerto protagonizado pela banda de Belfast, Protex. Foi no dia 10 de Novembro, sexta feira, um dia em que a cidade do tédio foi picada aqui e acolá por vários concertos, alguns de cariz duvidoso, outros sem grande interesse, a ressalva foi mesmo para a estreia em Portugal dos míticos Protex.


 Já de certo que alguns já se depararam com o tema "Don't ring me up", mais que não seja numa daquelas selecções aleatórias que o youtube tanto gosta de nos impingir. Esse tema é o que podemos chamar o "cartão de visita" dos Protex, tema orelhudo e convidativo para cantarolar. Mas a história dos Protex é de fácil consulta, basta aceder a internet e está lá toda. Ou para quem goste de folhear uma revista, tem sempre o último número do Alfinete (#10), onde entre muitas histórias está a biografia da banda e uma entrevista em exclusivo com Aidan, guitarrista e fundador da banda.
Saltando uns degraus no texto é altura de abrir o livro sobre a passagem por Lisboa desta mítica banda de Belfast.


Foi numa sexta feira bastante acolhedora, o Inverno teimava em mascarar-se de Verão. Mas fizesse sol ou chuva a banda vinha com o intuito de abalar as fundições do bar "Popular Alvalade", e, esse intento foi alcançado. Certo que à convocatória só apareceram cerca de 80 pessoas, foram as suficientes para preencher o espaço e consumirem o ar que ia escasseando a cada música que era tocada. Num ritmo quase à la "ramones", com direito a algumas introduções e dedicatórias no intervalo das músicas, abdicando é certo do já nosso conhecido cronometro do 1-2-3-4 "aqui vamos". Protex cilindraram numa hora e meia os presentes com todos os seus trunfos, saciando todos aqueles que são fãs de longa data (15 anos já é uma bela data) e também aqueles que vinham com a expetativa de ver e ouvir um bom concerto rock n rol. A missão foi cumprida em pleno.


Alguns pormenores curiosos que poderão algum dia gravitar num futuro longínquo na orla da história do rock em Portugal. Aqui vão os segredos, os Protex tocaram duas vezes o tema "Strange Obsessions", coisa rara, ainda tocaram uma cover dos Ramones, num total de mais de 20 músicas, e do pouco que viram de Lisboa ficaram com boa impressão, quem sabe num futuro (próximo e não longínquo) possam voltar. Não houve espaço para reclamações ou discos pedidos, foi altura de arrumar a trouxa e seguir caminho que no dia seguinte haveria mais festa da boa em Loulé. Outra história que vai ficar na memória dos presentes. "All I wanna do (is Rock n Roll)" , Protex 1980.
 

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Programa Punk Powerpop em Português - rádio - podcast - Boredom City

Reforçando um pouco, ou melhor, dando um novo ânimo aquilo que por aqui foi e vai sendo publicado, chegou a hora de dar voz e música. Decidi abrir as hostilidades com um programa, podcast, Boredom City. Programa em Português dedicado a bandas que outrora andaram pelo meio musical, alguns ainda existem nos dias de hoje outras ficaram-se pela máquina do tempo. O programa não tem periocidade, será publicado assim que haja disponibilidade, mas o primeiro assalto já está online e pronto para escuta. sejam bem vindos a Boredom City Punk Podcast. https://www.mixcloud.com/BoredomCity/




domingo, 10 de dezembro de 2017

Cartaz do polémico "não" concerto dos Stranglers, Julho 1978

Mais uma peça histórica da memorabilia relacionada com o rock em Portugal, desta vez é o cartaz daquele que era para ter sido o segundo concerto de uma banda New Wave em Portugal. Na semana antecedente tinham tocado os Eddie Hot Rods (Pub-rock / New Wave), esses conseguiram com maior ou menor esforça espalhar a sua arte em dois dias seguidos no Coliseu de Lisboa. No caso dos Stranglers que vinham acompanhados pelos 999, banda de suporte de toda a tour Europeia, o concerto de Cascais seria o última da tour de promoção do álbum "Black & White". Mas quiserem os deuses ou outros suspeitos que o concerto não fosse avante. Foram avançadas várias razões, mas não é isso que interessa nesta publicação senão a imagem do cartaz.



terça-feira, 28 de novembro de 2017

Fanzine Alfinete nº10 já à venda

Já saiu o novo nº do fanzine O Alfinete, Nº10 com entrevistas a Protex, The Carpettes, Mecos (Punk-Coimbra), textos e criticas a discos. 2.50€ já c portes para Portugal, 3€ for Europe , 3.50€(rest of world)

contact: rocknoliceu@gmail.com

domingo, 5 de novembro de 2017

Esta semana, Protex (Belfast -Punk rock) em Portugal , 10 e 11 Novembro

Esta semana marca a estreia da mítica banda de Belfast, Protex. Punk rock desde 1978. O concerto de Lisboa é na 6ªfeira, dia 10 de Novembro no Popular Alvalade com os Dead Pigeon na primeira parte. No dia seguinte, 11 Nov, é em Loulé no Bafo de Baco, com os Psycho Tramps na primeira parte. O preço dos bilhetes para ambos os concertos é de 8€.

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Concerto Protex (Belfast- Irlanda do Norte) em Lisboa dia 10 Novembro

Já não faltam muito para a estreia da banda de Belfast em Portugal, dia 10 de Novembro (6ªfeira) o concerto é em Lisboa no Popular Alvalade, na primeira parte estarão os Dead Pigeon, entrada 8€, abertura de portas 21h.

No dia 11 de Nov. será em Loulé, com os Psycho Tramps a abrir, Bafo de Baco, 8€

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

PROTEX (Belfast-Punk Rock) em Novembro -Lisboa e Loulé

Zer0Ambiti0n, Route 77 e Hellgarve Underground têm o prazer de apresentar pela primeira vez em Portugal a mítica banda Punk-rock, PROTEX. Nascidos e criados na conturbada Belfast, desde 1978 mostraram aptidões para compor temas que hoje em dia são unanimamente considerados clássicos.

 A mini-tour que tem duas datas, vai passar por Lisboa no dia 10 de Novembro (6ªfeira), uma noite que promete ficar na memória. Garantidos estão os muitos clássicos da banda sem esquecer os novos temas do novíssimo álbum "Tightrope", os dados estão mais que lançados é marcar na agenda que seguramente que vão ser duas noites de acção.

http://www.protexmusic.com/
https://soundcloud.com/user-117440308

Lisboa, 10 Novembro (6ªfeira) , PROTEX + Dead Pigeon (PT) , 21h (abertura de portas), concerto Dead Pigeon as 21.30h, Protex as 22.30h.  Preço Bilhete - 8€ (à venda no próprio dia à porta do Popular Alvalade) , reservas de bilhetes: rocknoliceu@gmail.com 

 Popular Alvalade. Rua António Patrício nº11B (traseiras do Pingo Doce da Avenida Estados Unidos da América) , Metro: Entre-campos/Roma

trailer video oficial da tour: 

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

PROTEX (Punk-Rock Belfast) em Portugal, Novembro 2017

Alerta Punk-rock, os Protex, banda mítica de Belfast vão tocar em Portugal, no dia 10 de Novembro em Lisboa e 11 de Novembro em Loulé. Mais informações serão dadas em breve. Produção a cargo da Zer0 Ambiti0n, Route 77 e Hellgarve Underground.


quarta-feira, 2 de agosto de 2017

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Paul Collins (The Beat / he Nerves) ao vivo 29 junho - Lisboa

Como já é do conhecimento de alguns, a promotora Zer0 Ambiti0n vai promover e organizar o concerto do músico Americano, Paul Collins. Nome sobejamente conhecido dentro da New Wave e do Powerpop. Músico que têm no currículo bandas como os The Nerves (os mesmos do "Hanging on the Telephone"), os The Beat (autores de hits, como "Rock n Roll Girl" ou "All Over World"). Para além do vasto passado de rock n roll, Paul Collins ultimamente tem enveredado por uma carreira a solo. Desta vez vem a solo sem banda, para pisar pela primeira vez o palco em Lisboa, e a sala da estreia do Paul Collins vai ser o Popular Alvalade.
O concerto é no dia 29 de Junho (5ªfeira), Popular Alvalade, 22h , 7€ (preço bilhete), Rua António Patrício 11B, 1700-047 Lisboa

Estão todos convidados para presenciar um concerto único de puro rock n roll, abram alas para o King of Powerpop.

https://www.facebook.com/events/1752641818084729


terça-feira, 6 de junho de 2017

Corta-e-Cola / Punk Comix , dia 10 junho Feira do Livro Lisboa

Sai no 10 de Junho na Feira do Livro de Lisboa - pavilhão C39, fixem lá isso! - dois livros em um, ou seja um split-book, bem à punk!

 
No ano em que se “celebram” os 40 anos do punk em Portugal, a Chili Com Carne, em parceria com a Thisco, edita o (duplo) livro sobre este fenómeno: 

 
Corta-e-Cola : Discos e Histórias do Punk em Portugal (1978-1998) de Afonso Cortez 
Punk Comix : Banda Desenhada e Punk em Portugal de Marcos Farrajota.
 

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Paul Collins (The Beat) dia 29 Junho em Lisboa


SOLO ACOUSTIC EURO TOUR 2017 -Paul Collins em Lisboa, 29 Junho

Não desligues, é uma chamada internacional, daqui fala o Paul Collins. Quem?

Paul Collins, esse mesmo que fez parte da mítica banda os The Nerves, que compuseram o hit "Hanging on the Telephone", celebrizada na voz da Debbie Harry dos Blondie, sim, o original é dos The Nerves. Hoje em dia os The Nerves tem o cunho de banda de culto, sendo venerada pela maioria dos coleccionadores e apreciadores do Powerpop e da New Wave. Banda que chegou a fazer uma tournée com os Ramones.

Paul Collins foi peça chave no evoluir da New Wave Americana. Após os The Nerves, forma juntamente com Peter Case, companheiro nos The Nerves, os The Breakaways, outra banda de culto do Powerpop Americano.

Acabada a aventura dos The Breakaways, foi altura de dar o grande salto, dessa vontade indómita em criar música nascem os The Beat. Uma banda com outra ambição e não foi preciso muito tempo para a CBS pegar na banda e lançá-la no mercado.

Estávamos em 1979, numa altura em que a New Wave fervilhava em tudo que era pista de dança e top radiofónicos. O primeiro álbum dos The Beat atrai as atenções do público e dos media, recebendo boas criticas e bom airplay nas rádios. Fizeram uma tour com os The Jam e chegaram a tocar na Europa.

Em 1980 sai o segundo álbum Paul Collins'Beat "The Kids are the same", mais um marco dentro do powerpop Americano. Por essa altura gravam três videoclips de promoção ao disco, o qual consegue rodar com alguma regularidade nas rádios Americanas.Desde a altura dos The Beat, Paul Collins nunca parou, editando mais discos com os The Beat. Após essa aventura, ingressou numa carreira a solo que perdura até aos dias de hoje.

2017 marca o regresso de Paul Collins à Europa numa tour de promoção aos dois recentes discos editados: "One Night" e "To Beat or Not To Beat/ Longtime Gone". Dois registos que demonstram a vitalidade de um músico que não deixa por mãos alheias os seus créditos de 40 anos de música.
Para demonstrar essas mesma vitalidade criativa, Paul Collins virá somente com a sua guitarra e todas as músicas que o tornam num músico único nos dias de hoje.

É de esperar um espetáculo único onde podemos ouvir os novos temas, sem esquecer os clássicos que popularizaram o Paul Collins The Beat, clássicos tais como "Rock ‘n’ Roll Girl", "All over world", "Working Too Hard", "On the Highway", "Different Kind of Girl"...

A tour passará por vários países da Europa, e Portugal não vai ficar de fora, com um único concerto eme Lisboa no dia 29 Junho no Popular Alvalade.

Cinco dias antes de vir a Portugal Paul Collins irá tocar num festival "Fuengirola Pop Weekend" no qual os cabeças de cartaz são nem mais nem menos os Beach Boys.

Dia 29 Junho todos os ingredientes estão lançados para um noite quente de puro rock n roll.

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Paul Collins (US - The Nerves / the Beat) ao vivo 29 Junho em Lisboa


Pela primeira vez em Lisboa, Paul Collins, apelidado com King of Powerpop, vai tocar no Popular Alvalade no dia 29 de Junho. Depois de ter passado por Portugal em 2011 com os The Beat, chega agora a vez de pisar o palco de Lisboa para presentear o público da capital com todo o seu manancial de bons temas de powerpop/rock n roll. O concerto que fará a viagem desde os primórdios com os The Nerves, esses mesmos do "Hanging on the Telephone" passando está claro pelo os The beat, nome cimeiro do Powerpop Americano do inicio dos anos 80. Senão bastassem os clássicos, que são muitos, Paul Collins tem sido pródigo em lançar bons álbuns a solo nestes últimos anos, exemplo, "King of Powerpop" de 2010 e em 2014, com o "Feel the Noise". Dois excelentes exemplos da vitalidade criativa de Paul Collins, temas orelhudos e com o feeling de quem está aqui pelo rock n rol. Dia 29 de Junho, vai ser dia de Powerpop em Lisboa.

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Jonzip (Escócia - The Zips) ao Vivo esta semana Maio 2017

11 de Maio (5ªfeira) , Speed Cristal (PT) + Jonzip , Popular Alvalade, 22h , 4€ 12 de Maio (6ªfeira) , Jonzip + Jonzip & The Eclairs + Mod64 DJ , 22h , 6€(oferta 1 bebida) , Cine-Incrível Almada 13 de Maio (Sábado) , Jonzip , Faro - Guess Club (entrada livre) 22h

terça-feira, 2 de maio de 2017

Jonzip (The Zips) 11,12 e 13 Maio em Portugal

Jonzip em Portugal, 11 de Maio (5ªfeira) Popular Alvalade, 12 de maio em Almada e 13 de Maio em Faro.

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Jonzip (The Zips) + Speed Cristal (PT) ao vivo 11 de Maio (5ªf) Lisboa

Speed cristal (PT) + Jonzip (The Zips - Escócia), abertura de portas 21h, concertos 22h, entrada 4€, dia 11 de Maio (5ªfeira) , Popular Alvalade - Lisboa / Lisbon

quarta-feira, 29 de março de 2017

Maio 2017 Jonzip (The Zips) Punk Blues Folk



11 Maio Lisboa Popular Alvalade 4€
12 Maio Almada Cine Incrível 6€(oferta 1 bebida)
13 Maio Faro Guess Club (entrada livre)

segunda-feira, 20 de março de 2017

Recordar é Sobreviver: Johnny Warman em Portugal

Após uma pesquisa exaustiva a um molho de revistas do inicio dos anos 80, deparo-me com uma entrevista a Johnny Warman, conhecia os discos de os ver nas feiras a preços módicos. Ao ler a entrevista, fiquei a saber que Johnny Warman era o músico por detrás do grupo 00.3 Minutes, banda que lançou um bom single "Autmatic Kids" em 1980 pela Rocket.

Single que oscilavam entre uma new wave cósmica e um powerpop preciso e eficaz. Johnny Warman já vinham de um album a solo, "Hour Glass" editado em 1979, onde a sonoridade não fugia muito aquilo que os 00.3 tinham posto em vinil. Os 00.3 acabam como começaram, num ápice. No entanto durante o pouco tempo de existência os 00.3 minutes, empreenderam uma tour com os Vapors e tocaram ainda uns quantos concertos com os XTC, tudo bandas que já tinham o seu pedestal garantido. Finada a aventura dos 00.3 Minutes, Johnny Warman segue a sua vida e lança em 1981 o seu disco mais pomposo, "Walking into Mirrors".

 Um disco conceptual onde os sintetizadores e respectiva electrónica emanada, serviram de paradigma para uma Pop que se queria moderna e fantasista. O disco conta com o backing vocals do Peter Gabriel no tema "Screaming Jets", um dos temas de proa do disco. Outo tema forte do LP tem curiosamente o título "3 minutes", um tema forte onde impera um powerpop com sentido e orientação, reminiscência da antiga banda, conquanto o mesmo não tenha sido composto na altura dos 00.3 Minutes.

  Durante a promoção ao "Waking into the Mirrors", Johnny Warman fez uma digressão promoção ao disco, promoção essa feita em programas de TV em vários países, Espanha, Suécia entre outros.
Portugal também fez parte dessa rota de promoção. Johnny tocou no programa de variedades, "Festa é Festa" em Janeiro de 1982 perante uma multidão de pessoas atentas e sequiosas. No final da sua actuação no programa, o carro onde seguia Johnny Warman foi inundado por uma imensidão de pessoas que queriam ver o artista mais de perto. Johnny Warman voltaria uns meses mais tarde a Portugal para tocar no Algarve na discoteca "Kiss", mas isso já são contas de outro rosário.



segunda-feira, 13 de março de 2017

Wilko Johnson & Solid Senders 1980 Flexi-disc Promocional

O  primeiro assalto do Wilko Johnson e dos "seus" Solid Senders em Portugal, ocorreu em Lisboa em Fevereiro de 1980. O concerto decorreu no Pavilhão do Belenenses, na primeira parte estiveram os Xutos e os Aqui d'el Rock. Para promover o evento foi lançado um flexi-disc, algo bastante raro em terras Lusas. No Flexi-disc que teve forte apoio do programa "Rock em Stock" podemos ouvir Luis Filipe Barros e Rui Morrison a promover o concerto, pelo meio ouvem-se musicas do Wilko Johnson, como de um excerto de uma programa de rádio se tratasse. O Flexi-disc teve uma tiragem limitada, e é uma das raridades no que concerne às edições Rock New Wave Portuguesas. O 1º aniversário do rock em Stock seria comemorado uns meses mais tarde em Maio com a Lene Lovich como cabeça de cartaz.